fbpx

Lentes de contato gelatinosas x rígidas: qual a melhor opção

lentes de contato

Para quem não gosta de óculos, as lentes de contato são uma solução indispensável. Discretas, resistentes e confortáveis, elas conseguem ajudar um amplo espectro de pacientes. Mas você sabia que existem 2 tipos de lente? Sim: ao adquirir o seu par, você terá que escolher entre as rígidas ou as gelatinosas.

Cada tipo de lente atende a uma necessidade. Portanto, é preciso entender como cada uma funciona e o que as lentes oferecem às suas necessidades. Neste texto, você vai entender melhor as diferenças entre lentes de contato rígidas e gelatinosas. Confira!

O que são lentes de contato rígidas?

Indicadas para graus mais altos, córneas irregulares ou com cicatrizes, as lentes de contato rígidas, famosas no passado por não serem confortáveis como as gelatinosas, regularizam a superfície corneana, melhorando substancialmente a qualidade da visão e fornecendo excelente oxigenação à córnea. Hoje, devido ao avanço dos desenhos e a melhora do material, houve aumento do conforto e da estabilidade destas lentes nos olhos.

Sabia que existem lentes rígidas com conforto de gelatinosas? São as lentes esclerais, elas apoiam na esclera, não se movimentam e não se deslocam dentro do olho.

Embora sua rigidez torne a adaptação um pouco mais difícil, as lentes rígidas são muito seguras e estão associadas a menores taxas de complicações por alergia ou infecções se comparadas às gelatinosas. Além disso, uma vez que o paciente consegue se adaptar, dificilmente tentará outro tipo de recurso para melhorar seu problema de visão.

Outro detalhe interessante é que existem diferentes tipos de desenho de lente rígida. Portanto, peça auxílio ao seu oftalmologista para escolher o melhor modelo para você.

O que são lentes de contato gelatinosas?

Mais confortáveis, as lentes de contato gelatinosas são feitas com silicone e hidrogel. Portanto, a maleabilidade facilita sua adaptação. Mas, como dito, elas não são indicadas para altos graus de astigmatismo — o ideal é ter no máximo 1 grau para o uso dessas lentes, mas isso varia entre os pacientes. 

Existe um tipo especial de lente gelatinosa, chamada lente tórica, que corrige também o astigmatismo. Já para o ceratocone, o mais indicado, devido à irregularidade da córnea, seriam as lentes rígidas.

Uma informação essencial sobre as lentes de contato gelatinosas é que elas causam muito mais alergias que as rígidas, podendo acarretar a síndrome do olho seco. Isso ocorre porque elas precisam ficar umedecidas durante todo o tempo, e acabam “chupando” a hidratação do olho.

Para deixar mais claro: quem já usou lentes gelatinosas sabe que se esquecê-las fora do estojo, ela ficarão secas e enrugadas. Para que se mantenham no formato original, precisam ser constantemente hidratadas. Então, enquanto estiverem em uso, vão dividir a lágrima dos olhos.

Se o paciente produzir uma boa qualidade de lágrimas, não vai sofrer nenhum problema. Mas se a lubrificação for pouca, as lentes vão “roubar” as lágrimas que mantêm os olhos umedecidos, causando a irritação.

Lentes rígidas x gelatinosas: quais são as melhores?

Depende do seu caso e da finalidade de uso. Se você precisa ajustar poucos graus, tem olhos bem lubrificados e quer conforto imediato, as gelatinosas vão suprir suas necessidades. Já quem sofre com graus mais altos, precisa usar lentes por longos períodos e produz poucas lágrimas, vai se adaptar melhor às lentes rígidas.

Mas engana-se quem pensa que é só comprar as lentes e pronto, acabou a preocupação com problemas nos olhos. Independentemente do tipo de lentes de contato, é essencial ir ao consultório médico a cada seis meses. Em longo prazo, o uso de lentes adquiridas em um estabelecimento qualquer e sem adaptação ou orientação médica pode provocar alterações na superfície ocular, como vascularização anormal na córnea, úlceras ou outros problemas que levam à perda de visão.

Se você quer fazer suas lentes de contato, precisa contar com especialistas no assunto. O Donato Hospital de Olhos tem uma equipe especializada e uma estrutura exclusiva para adaptação dos diferentes tipos de lentes, atendendo as demandas particulares de cada paciente. Então, não espere mais: conheça o Donato e marque uma consulta com um especialista!

Compartilhe:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Utilizamos seus dados para analisar e personalizar nossos conteúdos e anúncios durante a sua navegação em nosso website e em serviços de terceiros parceiros. Ao navegar pelo site, você autoriza o Donato Hospital de Olhos coletar tais informações e utilizá-las para estas finalidades. Em caso de dúvidas, acesse nossos Termos de Uso e Política de Privacidade.